"O corpo e a mente estão intimamente relacionados, e ambos obtêm sustento do alimento. Por esse motivo, a comida tem impacto considerável sobre o caráter e o destino do indivíduo. Como é a comida, assim é a mente; como é a mente, assim é o pensamento; como é o pensamento assim é o ato. Tudo aquilo que é percebido pelos sentidos constitui alimento."

Sai Baba 

Artigos

PREFEITURA DA SERRA ADOTA MODELO DE EDUCAÇÃO EM VALORES HUMANOS

Sábado, 01 Agosto 2009

Formar cidadãos além das disciplinas científicas. Instruir o aluno com conhecimento técnico e com zelo. Fazer da sala de aula um ambiente onde se possa dialogar e dividir experiências humanas. Essas e outras premissas fazem parte do "Programa Valores Humanos", que a Prefeitura da Serra apresenta, nos próximos dias 3 e 4 de agosto, a cerca de 100 profissionais da rede de ensino.

A nova metodologia de ensino põe, em paralelo às questões técnicas, o ensino de valores como respeito, dignidade, perdão e afeto. Quem apresenta o modelo aos educadores da Serra é o professor Gonçalo Vicente de Medeiros, presidente do Instituto Sathya Sai de Educação do Brasil.

Leia mais: PREFEITURA DA SERRA ADOTA MODELO DE EDUCAÇÃO EM VALORES HUMANOS

JORNAL DO OESTE - Seminário resgata valores humanos nas escolas

Quarta, 05 Fevereiro 2003

TOLEDO – Paz, amor, verdade e retidão. Esses são alguns dos ideais buscados pela Educação em Valores Humanos, uma prática que vem ganhando espaço nas escolas e universidades brasileiras. A metodologia foi apresentada, durante estes três últimos dias, aos professores do Colégio Incomar.

Desde segunda-feira eles participam do Seminário de Formação em Valores Humanos ministrado por Gonçalo Vicente de Medeiros, presidente do Instituto Sathya Sai de Educação responsável pela disseminação do método pelo Brasil. "A educação em valores humanos ensina o homem a encher seu coração de compaixão, falar a verdade e dedicar seu corpo ao bem da sociedade", explica o presidente Medeiros.

Leia mais: JORNAL DO OESTE - Seminário resgata valores humanos nas escolas

FOLHA DIRIGIDA - Uma filosofia escolar voltada para os valores humanos

Terça, 15 Outubro 2002

Uma filosofia escolar voltada para os valores humanos.
O prof. Gonçalo Medeiros fala do trabalho do educador Sai Baba e diz como tem espalhado sua filosofia no Brasil

Gonçalo Vicente de Medeiros é, hoje, o presidente do Instituto de Educação em Valores Humanos (www.valoreshumanos.org). Mas em 1986 era apenas um aposentado que estranhamente escolheu a Índia para passear, e impressionou-se com a gentileza de um menino, quando se dirigiu a uma torneira pública para beber água.

Leia mais: FOLHA DIRIGIDA - Uma filosofia escolar voltada para os valores humanos

O PARANÁ - Modelo educacional resgata valores

Quinta, 29 Agosto 2002

A metodologia educacional aplicada na maioria das escolas públicas do País não leva em conta princípios como a celebração do amor, da amizade, da compreensão e do respeito. A preocupação geral dos educadores, em sua maioria, é formar cidadãos mais preocupados apenas com conceitos materiais, preparando-os para um mundo altamente competitivo e cruel. O resultado é o surgimento de gerações isentas de princípios impostos pela fragilidade da natureza humana.

Leia mais: O PARANÁ - Modelo educacional resgata valores

FUNDAÇÃO BANCO DO BRASIL

Sexta, 31 Maio 2002

Paz, amor, verdade e retidão. Esses são alguns dos ideais buscados pela Educação em Valores Humanos, uma prática que vem ganhando espaço nas escolas e universidades brasileiras. A metodologia chegou no país em 1993, através do Instituto Sathya Sai de Educação, e tem como objetivo estabelecer caráter e excelência humana. "A educação em valores humanos ensina o homem a encher seu coração de compaixão, falar a verdade e dedicar seu corpo ao bem da sociedade", explica o presidente do Instituto, Gonçalo Vicente de Medeiros. "Acreditamos que é devido à ausência destes valores humanos que o país hoje passa por provações", diz.

Leia mais: FUNDAÇÃO BANCO DO BRASIL

Palotina resgata valores humanos

Terça, 30 Outubro 2001

O município de Palotina vem destacando-se na aplicação de uma metodologia que traz uma nova visão de educação buscando preparar o estudante para a vida. Educação e Valores Humanos divulga às pessoas o amor, a paz, a não-violência, a conduta correta e a verdade, visando resgatar os valores inerentes aos seres humanos. O programa é inédito por abranger toda a cidade. Palotina é o único município com o diferencial de ter estendido o projeto a todos os setores, sendo que na maioria das cidades onde ele existe, é aplicado apenas na área de educação.

Leia mais: Palotina resgata valores humanos

Educação em valores humanos - A busca para o terceiro milênio

Quinta, 04 Janeiro 2001

Uma vez por semana os pais dos alunos substituem os professores na sala de aula. Esta foi a rotina no último ano letivo na pequena cidade de Palotina, no Paraná. Mais precisamente na Escola Municipal Joaquim Monteiro. Nesse dia, os professores se reúnem para estudar Valores Humanos e trocar experiências. A disciplina, que integra o conteúdo das matérias tradicionais, faz parte de uma nova didática que começa a ser aplicada em várias escolas de todo o mundo. No Brasil, sua adoção foi facilitada pela nova Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), que atribui mais liberdades para que os colégios componham seus próprios currículos.Na escola paranaense, que tem turmas do jardim de infância à 4ª série, os princípios dos valores humanos — verdade, ação correta, amor, paz e não-violência — são aplicados a todo instante e em todas as matérias. A orientadora educacional da Secretaria de Educação de Palotina, Judith Sendtko, contou que os professores buscam constantemente incluir o tema em suas aulas. "Ensinando divisão, podemos modificar a formulação do problema: um pai amoroso tinha dois filhos e queria dividir igualmente dez maçãs entre eles..." exemplificou.

Leia mais: Educação em valores humanos - A busca para o terceiro milênio

II Congresso Nacional de Educação em Valores Humanos

Terça, 13 Junho 2000

Nos últimos anos, a Educação tem passado por uma verdadeira revolução. São leis, projetos e reformas em busca da excelência no ensino. No meio de tantas iniciativas e tentativas, uma pretende mudar a história educacional do país: a inclusão da consciência de valores humanos na educação. O assunto foi tema do II Congresso Nacional de Educação em Valores Humanos, realizado dias 9, 10 e 11 de junho, no auditório do Cefet, no Maracanã.

Organizado pelo Instituto Sathya Sai de Educação, com apoio da FOLHA DIRIGIDA, o evento debateu a importância de se educar para a vida e não para ganhar a vida. Na palestra de abertura — Uma Introdução à Educação em Valores Humanos - o professor Gonçalo Medeiros falou sobre a importância de se cultivar, e transmitir, os valores humanos.

Leia mais: II Congresso Nacional de Educação em Valores Humanos

Colabore

Sua participação é muito importante.

Nós necessitamos de colaboração para nosso trabalho de disseminação, você pode doar seu trabalho qualificado e na organização de seminários. Para mais detalhes, Clique Aqui